Sebrae vai ao Congresso e busca apoio para o Programa Acredita | ASN Nacional

O presidente do Sebrae, Décio Lima, iniciou um amplo trabalho de consolidação da política de crédito lançada pelo presidente Lula e vice-presidente Geraldo Alckmin no eixo que envolve os pequenos negócios. Um dia após o lançamento do programa Acredita, Lima apresentou o crédito assistido do Sebrae em café da manhã com os deputados e senadores que compõem a Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa (FPMPE), além de integrantes de diferentes pastas do governo federal. A agenda, nesta terça-feira (23), na Câmara dos Deputados, teve o objetivo de consolidar os próximos passos para a regulamentação da Medida Provisória do Acredita e discutir a agenda legislativa prioritária para o ano.

O Sebrae está participando da iniciativa e fez o aporte de R$ 2 bilhões para atender imediatamente pelo menos 1 milhão de empreendedores com crédito assistido. A medida poderá garantir R$ 30 bilhões em empréstimos por meio das instituições financeiras para os pequenos negócios em todo o país. O empreendedor terá toda a assistência para que possa viabilizar o acesso a crédito de forma segura. Além de avalizar as operações de crédito junto às instituições financeiras, o Sebrae oferecerá orientações para que o proprietário de um pequeno negócio inicie a sua jornada ampliando sua consciência e segurança na obtenção de um empréstimo. Isto se dará por meio do Portal Crédito Consciente.

“Isso vai ajudar a superar a grande dificuldade que é a presença das micro e pequenas empresas na obtenção de crédito. Muitos deles nem entram na porta dos bancos por não terem garantia ou aval. Portanto, como avalista, o Sebrae oferece uma abertura de porta para os pequenos negócios dentro do mercado financeiro”, garantiu. “Ao mesmo tempo, esse crédito será assistido, com a capilaridade do Sebrae, vamos pegar o pequeno empresário pela mão e garantir que o investimento possa dar longevidade ao negócio e resultados muitos maiores.”

Ao se dirigir aos parlamentares, o presidente do Sebrae, Décio Lima, pediu que priorizem a votação de pautas que privilegiem os pequenos negócios. “Temos uma grande tarefa de construir um marco regulatório para esse segmento, que representa grande parcela da população. São 95% das empresas brasileiras e milhões de brasileiros que nunca desistiram diante da voracidade do mercado”, ressaltou Décio Lima.

Presidente Décio Lima fala aos parlamentares e convidados nesta terça-feira (23). Foto: Larissa Carvalho.

Economia dos pequenos negócios 

Em sua fala, Décio Lima também ressaltou o momento da economia brasileira, com o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), a geração de emprego e renda, entre outras ações que contribuíram para a retirada de milhões de pessoas do Mapa da Fome.

Segundo ele, as micro e pequenas empresas foram fundamentais para chegar a esse resultado. “As MPE representam 30% do PIB e mostram que precisamos de políticas para proteger a pequena economia brasileira, que emprega tantas pessoas”, afirmou. “Esse setor precisa de proteção e de um olhar diferenciado do Estado, pois está empreendendo nos mais distantes locais do Brasil”, completou.

Frente Parlamentar

Também presente no café com os parlamentares, a diretora de Administração e Finanças do Sebrae, Margarete Coelho, destacou a necessidade de olhar para a promoção da diversidade no setor. “É nítida a preocupação com a diversidade nos pequenos negócios em todo o mundo e devemos dar a devida atenção. As dificuldades são imensas e, por isso, devemos garantir acesso a crédito e melhores oportunidades a esses grupos que precisam ser vistos e progredir”, comentou.

Para o presidente da Frente Parlamentar Mista da Micro e Pequena Empresa (FPMPE), Helder Salomão (PT/ES), ficou claro após o encontro que a principal tarefa dos parlamentares é o avanço do Programa Acredita nas duas casas legislativas. “Recebemos diversas sugestões nesta reunião, mas a principal tarefa é o encaminhamento da Medida Provisória”, avaliou o parlamentar. “Nosso papel é dar centralidade no desenvolvimento econômico, com foco nas MPE. Eles são responsáveis pela geração de emprego e de cidadania para o nosso povo”, acrescentou.

Agenda 2023/2024

O Sebrae, em conjunto com a Frente Parlamentar Mista, desenvolveu a Agenda Parlamentar 2023/2024, que congrega os principais projetos de lei voltados ao aperfeiçoamento do arcabouço normativo onde se inserem os pequenos negócios. Os principais são:

  • Aumento do Teto do MEI (PL 108/2021) – Trata da elevação dos limites do Simples Nacional e do MEI, possibilitando ao microempreendedor individual ter até dois funcionários – hoje é permito apenas um. Importante frisar que o PL está pronto para ser apreciado em Plenário e que é um assunto de extrema relevância para o Governo.
  • Marco Legal do Reempreendedorismo (PLP 33/2020) – O projeto está em tramitação na Câmara e representa um enorme avanço na prevenção da falência dos pequenos negócios.
  • Reforma Tributária – A PEC 45 garantiu a continuidade do Simples Nacional, mas é preciso priorizar a regulamentação para que o regime continue sendo favorável aos pequenos negócios.

Prefeitura de Gurupi

  • Related Posts

    Enchentes afetam mais da metade das MPE gaúchas. Sebrae prepara plano de ação para socorrer empresários | ASN Nacional

    Mais da metade das micro e pequenas empresas gaúchas (MPE) foram afetadas pelas enchentes e estão com suas operações paralisadas ou reduzidas. Um diagnóstico realizado pelo Sebrae no Rio Grande…

    Desenvolvimento Territorial e apoio aos municípios marcam abertura da Marcha dos Prefeitos | ASN Nacional

    Cerca de 10 mil prefeitos, vereadores, secretários municipais, entre outras autoridades, estão em Brasília para discutir ações que promovam o desenvolvimento local e territorial com foco na melhoria das condições…

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Economia

    Harnessing the Power of Wind Energy

    Harnessing the Power of Wind Energy

    The Golden Gate’s Timeless Majesty

    The Golden Gate’s Timeless Majesty

    Ultimate Sports Ground Experience

    Ultimate Sports Ground Experience

    Future of Work Like Remote Collaboration Tools

    Future of Work Like Remote Collaboration Tools

    Navigating the Landscape of Cryptocurrency Trends

    Navigating the Landscape of Cryptocurrency Trends

    Plant Based Alternatives Reshaping Food

    Plant Based Alternatives Reshaping Food