Líderes locais e Sebrae participam de encontro dos Territórios Empreendedores em Minas | ASN Nacional

Aproximadamente 100 representantes do Sebrae e lideranças locais estão reunidos no 2º Encontro Nacional dos Territórios Empreendedores, em Divinópolis (MG), um dos 18 municípios que compõem o Território Empreendedor Novo Oeste – MG. Com início nessa segunda (22) e até quinta-feira (25), eles percorrerão cidades do Sudoeste e Centro-Oeste de Minas, conhecendo as experiências e ações implementadas nessa região voltadas para o desenvolvimento territorial sustentável. O Sebrae já tem implementado em 20 estados do país mais de 70 Territórios Empreendedores, envolvendo cerca de 3 mil lideranças de 737 municípios.

A troca de experiências na implantação desses diferentes Territórios tem sido estratégica na sua implementação. Na região costeira do Rio de Janeiro, o trabalho de Território Empreendedor mobiliza os líderes locais envolvidos no desenvolvimento do pequeno negócio na região dos Lagos. Líder envolvida nesse projeto, a turismóloga e superintende de Turismo da cidade de Cabo Frio, Luane Ferreira, é entusiasta dessas estratégias, presente na caravana que prevê passar, além de Divinópolis, nas cidades de Capitólio, São Roque de Minas e Guaxupé.

Participando na implementação da Agência de Desenvolvimento do Território Empreendedor dos Lagos, Luane Ferreira destaca a eficácia desse projeto por não se impor de cima para baixo. São as lideranças dos territórios que, apoiadas pelas expertises e conexões viabilizadas pelo Sebrae, como a metodologia LIDER, identificam as vocações de cada região, suas carências, suas potencialidades e fraquezas, buscando, juntos, os caminhos para suplantar os problemas e criarem um ambiente propício ao crescimento sustentável dos negócios.

De prefeitos a líderes religiosos, de empresários a representantes do terceiro setor, de profissionais liberais a integrantes do poder público, a união dessas lideranças é condição básica para a constituição de um Território Empreendedor. Com a parceria do Sebrae, são esses líderes voluntários que estabelecem, para seus respectivos territórios, os eixos de desenvolvimento, como fez o Território Médio Paraiba. Lá, a agenda de desenvolvimento é estruturada em quatro pilares: educação, mobilidade, turismo e tecnologia. Se o turismo parece evidente face a beleza da natureza nessa região costeira, a tecnologia foi identificada pelo grupo como um caminho eficaz para a diversificação da matriz econômica do Território.

Prefeitura de Gurupi

  • Related Posts

    Sebrae Pelo Brasil chega ao Mato Grosso | ASN Nacional

    O Mato Grosso é o próximo estado a receber o Sebrae Pelo Brasil, projeto que evidencia as potencialidades empreendedoras de todos os pontos do país. Nesta sexta-feira (24), o presidente…

    Enchentes afetam mais da metade das MPE gaúchas. Sebrae prepara plano de ação para socorrer empresários | ASN Nacional

    Mais da metade das micro e pequenas empresas gaúchas (MPE) foram afetadas pelas enchentes e estão com suas operações paralisadas ou reduzidas. Um diagnóstico realizado pelo Sebrae no Rio Grande…

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Economia

    Harnessing the Power of Wind Energy

    Harnessing the Power of Wind Energy

    The Golden Gate’s Timeless Majesty

    The Golden Gate’s Timeless Majesty

    Ultimate Sports Ground Experience

    Ultimate Sports Ground Experience

    Future of Work Like Remote Collaboration Tools

    Future of Work Like Remote Collaboration Tools

    Navigating the Landscape of Cryptocurrency Trends

    Navigating the Landscape of Cryptocurrency Trends

    Plant Based Alternatives Reshaping Food

    Plant Based Alternatives Reshaping Food