Mais da metade dos microempreendedores individuais (MEI) ainda não fizeram Declaração Anual | ASN Nacional

Faltando apenas 10 dias para o final do prazo, mais da metade dos Microempreendedores Individuais (MEI) ainda não enviaram a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-SIMEI). De acordo com dados do Sebrae, em parceria com a Receita Federal do Brasil (RFB), das 15,7 milhões de declarações esperadas, mais de 8,3 milhões de empreendedores ainda não repassaram as informações (apenas 47% preencheram o formulário até o momento). A declaração é obrigatória, mesmo que o Microempreendedor Individual (MEI) não tenha registrado faturamento durante o calendário de 2023 e deve ser feita até 31 de maio. Todo o processo é feito de forma on-line pelo Portal do Simples.

Nesta semana do Microempreendedor Individual (MEI) queremos reforçar a disponibilidade de todos os nossos colaboradores, seja por meio da Central de Atendimento (0800 570 0800), seja nas mais de 3 mil Salas do Empreendedor espalhadas pelo país, para apoiar os donos dos pequenos negócios a preencherem as informações para que estejam em conformidade com a Receita Federal e não tenham que pagar a multa.

Enio Pinto, gerente nacional de atendimento ao Cliente do Sebrae.

Passo a passo

O limite de faturamento anual do MEI em 2023 foi de R$ 81 mil. Caso tenha ultrapassado esse valor, o empreendedor deverá pagar tributos sobre o excedente. É necessário preencher o valor total da Receita Bruta obtida no ano anterior com a venda de mercadorias ou prestação de serviços e indicar se houve ou não o registro de empregado. Para isso, o MEI precisa acessar a página gov.br/mei e selecionar a aba “Já sou MEI”. Escolha a opção “Declaração Anual de Faturamento” e clique em entregar a declaração.

Na sequência, o CNPJ do MEI será solicitado. Depois, o empreendedor deve escolher o ano que deseja declarar e preencher os dados com as receitas obtidas. Em seguida, ele será apresentado a um resumo dos valores dos impostos pagos naquele ano. Por último, é só clicar em transmitir. Nos casos de não movimentação ou faturamento, os campos de Receitas Brutas, Vendas e/ou Serviços devem ser preenchidos com o valor de R$ 0,00 – indicando que, de fato, não houve rendimentos.

Atenção: o limite de faturamento anual do MEI é de R$ 81 mil bruto ano, média de R$ 6.750,00 ao mês, ou proporcional ao mês de abertura. Por exemplo, se você formalizou a sua empresa em maio de 2023, o seu limite de faturamento até o final do ano a ser declarado é de R$ 54 mil.

O Sebrae também preparou um vídeo que ensina, de forma didática, a preencher a Declaração Anual. Confira aqui.

Prefeitura de Gurupi

  • Related Posts

    Summit Bio é aberto em Santarém debatendo sustentabilidade na região amazônica | ASN Nacional

    Foi aberto nesta quinta-feira (13), no Centro e Convenções Sebastião Tapajós, em Santarém, região oeste do Pará,o Summit Bio, evento realizado pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas…

    Vendas avançam 0,9% em abril no comércio e pequenos negócios aproveitam momento de alta | ASN Nacional

    O comércio está em alta em 2024. É o que aponta a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgada nesta quinta-feira (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em…

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Economia

    Harnessing the Power of Wind Energy

    Harnessing the Power of Wind Energy

    The Golden Gate’s Timeless Majesty

    The Golden Gate’s Timeless Majesty

    Ultimate Sports Ground Experience

    Ultimate Sports Ground Experience

    Future of Work Like Remote Collaboration Tools

    Future of Work Like Remote Collaboration Tools

    Navigating the Landscape of Cryptocurrency Trends

    Navigating the Landscape of Cryptocurrency Trends

    Plant Based Alternatives Reshaping Food

    Plant Based Alternatives Reshaping Food